Lutando pela pureza

linda-1024x614

Tenho aprendido tanto no convívio com minhas pequenas! Com elas, Deus tem me ensinado o que eu não poderia aprender de outra forma.

A gente fala tanto de simplicidade e humildade, mas são exatamente essas coisas que perdemos no decorrer da vida, na medida em que os muitos cuidados, problemas, amarguras, decepções, vaidades, invejas e tantas outras variáveis da vida nos absorvem.

Ah, quão facilmente nos esquecemos de que o Reino de Deus pertence àqueles que no meio de tantas instabilidades escolhem ser como crianças. Não imaturos, não inconstantes e nem birrentos. Mas de fé inabalável e prática. De mente e coração puros; sem a malícia contaminada do pecado. De sorriso fácil. Leve e livre.

Ser criança é ser puro; incontaminado. É ter o coração cheio de esperança. É permanecer ensinável ainda que se tenha sabedoria. Mateus 5.8: “Bem-aventurados os puros de coração, pois verão a Deus”.

Preservar o coração puro é não permitir que o mal crie raízes e se espalhe dentro de nós. Pois o coração contaminado e malicioso se torna insensível a Deus. Preservar o coração puro é entre outras coisas, abrir mão de estar com a razão. Abrir mão de ver como eu vejo para ver como Deus vê.

Os que escolhem preservar o coração puro são, com certeza, marcados pelo sofrimento. Mas têm a maior recompensa de todas: a visão do eterno Deus que se manifestará a eles em plenitude.

“E disse: Eu lhes asseguro que, a não ser que vocês se convertam e se tornem como crianças, jamais entrarão no Reino dos céus. Portanto, quem se faz humilde como esta criança, este é o maior no Reino dos céus” (Mt 18.3,4).

Fotos: Internet e Edemias Del Mestre

COMENTÁRIOS

  • Sidnea cristina de souza

    Quero ser como criança sempre sempre amem pela palavra. Deus é
    Bom.